Concurso Banco do Brasil

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Se você possui o Ensino Médio Completo, uma ótima opção de trabalho é o Banco do Brasil. O início de carreira dentro desta empresa ocorre a partir do cargo de escriturário, e o piso salarial gira em torno de R$ 2.227,26 (set/2015), por uma jornada de trabalho de 30 horas semanais. Além disso, a empresa ainda oferece benefícios como a participação nos lucros e resultados, vale-transporte, vale-cultura, auxílio-creche, auxílio-alimentação, auxílio-refeição, auxílio a filho portador de deficiência, plano odontológico, plano de saúde e previdência privada. Ou seja, se somarmos tudo, os seus rendimentos mensais ultrapassarão os R$ 3.000,00 fácil!

Mas, uma das principais vantagens é esta: você já ouviu falar de concurso para gerente do Banco do Brasil? Pois é! Não existe! Por isso você nunca ouviu falar! E sabe como se tornar gerente por lá? Entrando na empresa como escriturário! A empresa, além dos benefícios citados, oferece também a possibilidade de ascensão e desenvolvimento profissional! Então, este não é um concurso em que você entra com um cargo e fica com aquele cargo pelo resto da vida, é um lugar em que você pode se desenvolver e, ainda por cima, ter a estabilidade de uma carreira pública! Não é fantástico! Vale muito a pena ir para cima!

Além disso, como o Banco do Brasil possui bastante unidades espalhadas pelo país todo, sempre abrem muitas vagas. E, apesar de serem chamadas de “cadastros de reserva”, eles costumam convocar a maioria dos candidatos que passam! As matérias que costumam cair, independente da organizadora do concurso, são língua portuguesa, raciocínio lógico matemático, atualidades (geralmente sobre economia), cultura organizacional, técnicas de vendas, atendimento, informática, conhecimentos bancários (esta, a matéria que eu considero a mais importante para quem vai prestar este concurso!) e língua inglesa, além de uma redação.

Outra vantagem deste Concurso é o fato de que, como o salário inicial não é tão atrativo, se comparado com os Concursos de Escrevente Técnico Judiciário, por exemplo, que também exige apenas o nível médio, mas paga um pouco mais que o dobro que o de escriturário do Banco do Brasil. Desta forma, o concurso não atrai concorrentes tão bem preparados como os do Judiciário (eu tenho um amigo que se preparou por 10 anos, até que finalmente ele conseguiu!). Ou seja, é mais fácil de passar! Claro que não quer dizer que você não precise estudar! Apenas estou dizendo que, se você começar a se preparar agora, você vai passar bem mais rápido! Você pode utilizar isto a seu favor, mesmo que você não deseje seguir a carreira bancária para sempre. Você pode, por exemplo, trabalhar no Banco do Brasil e continuar estudando para o concurso que você realmente deseja passar (eu não recomendo que você fique sem trabalho, é bom ganhar um dinheirinho para as despesas e manter a auto-estima em um nível normal!). Afinal, são apenas 6 horas de trabalho por dia! Espero que eu tenha ajudado! Um grande abraço e até a próxima!

Facebook Comments

Comments

comments

Facebook Comments